Artigo de mecânicas de Magic – Origens

Posted in Feature on 22 de Junho de 2015

By Matt Tabak

Senior editor. Game designer. Writer. Bon vivant. Matt wears many hats inside Magic R&D, but they're hard to see as he's so tall.

Magic – Origens está chegando. Magic – Origens é realmente diferente de qualquer coleção básica que você já viu: duas novas mecânicas, mais cards novos e cinco histórias sobre as origens dos Planeswalkers a serem exploradas. Magic – Origens mostra como cinco de nossos Planeswalkers mais importantes começaram: Gideon, Jace, Liliana, Chandra e Nissa. Você verá de onde eles vieram, como suas centelhas se acenderam e o que aconteceu depois. Mal podemos esperar que você conheça a coleção inteira, mas vamos começar dando uma olhada nas mecânicas – novas e antigas – que esperam por você.

Planeswalkers dupla face

Por que não começar com o destaque? Os cinco Planeswalkers que eu mencionei antes aparecem em Magic – Origens na forma de cinco cards dupla face – a face mostra os personagens como criaturas lendárias, enquanto o reverso os mostra como Planeswalkers. Esses são os cards que mostram suas centelhas se acendendo.

Se você nunca viu cards dupla face, eu vou dar um momento para você absorver toda essa informação. Tudo bem. Face e reverso. Sem verso. Estranho, certo?

Cada lado tem seu próprio conjunto de características – nome, tipo, subtipo, habilidades, custo de mana (ou nenhum custo de mana, no caso do reverso) etc. Quando um card dupla face não está no campo de batalha, você considera apenas as características da face. Assim, se você conjurar uma mágica que permite que você procure um card de criatura em seu grimório, você pode encontrar Liliana, Curandeira Herege.

Um card dupla face entra no campo de batalha com a face voltada para cima por padrão. Isso vale quer o card entre no campo de batalha depois de ser conjurado ou de qualquer outra forma, como ser colocado no campo de batalha por um card como Ressurgir da Cova. (Você consegue imaginar trazer Liliana de volta como zumbi? Ah, que história você teria!) Você não pode conjurar o lado Planeswalker desses cards.

Todas essas criaturas lendárias têm uma habilidade que as exila e devolve ao campo de batalha transformadas, o que significa com o lado Planeswalker (o reverso) voltado para cima. Como qualquer Planeswalker que entra no campo de batalha, eles o farão com um número de marcadores de lealdade mostrado no canto inferior direito. Observe que esta forma de "transformação" é um pouco diferente do que você pode ter visto previamente em cards do bloco de Innistrad.

Você pode ativar uma das habilidades de lealdade dos Planeswalkers durante sua fase principal no turno em que eles entram no campo de batalha, como de costume. Mas cuidado: Se o Planeswalker entrar no campo de batalha em algum momento que não seja a sua fase principal (como durante um combate), seu oponente pode ter a chance de removê-lo antes que você possa ativar uma de suas habilidades durante sua fase principal.

Embora as duas regras sejam similares, a "regra das lendas" e a "regra da singularidade dos Planeswalkers" afetam tipos diferentes de permanentes. Você pode controlar Liliana, Curandeira Herege, e Liliana, Necromante Insolente, ao mesmo tempo. Contudo, se Liliana, Curandeira Herege, for exilada e entrar no campo de batalha transformada, você controlará duas Planeswalkers com o mesmo subtipo. Uma será colocada no cemitério.

Como inserir cards dupla face no seu deck

Você tem duas opções ao colocar cards dupla face em seu deck: Você pode jogar com protetores de card opacos (talvez você já faça isso) ou você pode usar um card curinga, mostrado abaixo. Há cards curinga em alguns boosters de Magic – Origens.

Usar protetores opacos é bastante simples e direto. Coloque o card no protetor com o lado criatura à mostra e tire do protetor se ele entrar no campo de batalha transformado. Você pode deixar o card fora do protetor enquanto ele não for para sua mão nem para seu grimório. O importante é que você e seus oponentes não consigam saber a diferença entre aquele card e outros cards em sua mesa ou seu grimório.

O card curinga tem um verso normal escrito Magic, e é assim:

Para usar o card curinga você precisa ter o card dupla face original. Separe seu card dupla face e marque na lista do card curinga o nome do card que ele está representando. Tome cuidado para não marcar o verso de seu card curinga. Em torneios, mantenha seus cards dupla face separados de sua reserva para não serem confundidos com esta.

Apenas cards curinga oficiais podem ser usados para substituir cards dupla face em um deck. Se você usar um card curinga para representar qualquer dos cards dupla face de seu deck, terá de usar cards curinga para representar todos eles.

Você usará o card curinga em qualquer momento em que seja importante manter a identidade de seu card em segredo – em outras palavras, quando ele estiver em seu grimório, em sua mão ou exilado com a face voltada para baixo. Você o substituirá pelo card dupla face quando o card estiver na pilha, no campo de batalha, no cemitério ou exilado com a face voltada para cima.

A qualquer momento em que um card dupla face estiver visível – seja por estar em uma zona pública, por ter sido revelado ou por ter sido visto por um jogador como efeito de uma mágica ou habilidade – os jogadores que podem vê-lo podem ver ambos os lados. Qualquer jogador que possa ver um card curinga em uma zona oculta pode olhar o card dupla face que ele representa.

Drafts de cards dupla face

Se você entrar em um draft – e você deveria mesmo participar de drafts –, pegar um card dupla face funciona de forma ligeiramente diferente do draft de qualquer outro card. Diferentemente dos outros cards em seu deck, os cards dupla face são visíveis para as outras pessoas no draft. Você não pode tentar escondê-los. Você pode colocá-los em sua pilha de cards do draft com a face ou o reverso para cima. Não recomendamos explosões de alegria, mas rir consigo mesmo é tranquilo.


Renome

Se você for uma criatura do Multiverso, causar dano de combate a um oponente provavelmente será um grande momento para você. Para algumas criaturas de Magic – Origens esse momento é ainda mais importante graças a uma nova habilidade chamada renome.

 

O renome é desencadeado na primeira vez em que uma criatura com renome causa dano de combate a um jogador. A habilidade coloca alguns marcadores +1/+1 naquela criatura (o número após a palavra-chave renome). Além disso, isso faz com que a criatura se torne renomada. Assim, se seus Esmagadores Rhox causarem dano de combate a seu oponente (e atropelar pode ajudar nisso), eles se tornarão um poderoso 6/6. Agora que o card é renomado, sua habilidade renome não será mais desencadeada, mas ele receberá um efeito melhor de Névoa Envolvente.

Renome não será desencadeado se a criatura causar dano de combate a um Planeswalker. No improvável advento de a criatura causar dano de combate ao próprio controlador (por meio de um efeito de redirecionamento de dano), o renome será desencadeado. A criatura renomada permanece renomada até deixar o campo de batalha, mesmo que de alguma forma perca todos os marcadores +1/+1.

Maestria em magia

Algumas mágicas instantâneas e feitiços em Magic – Origens têm habilidades de maestria em magia. Maestria em magia é uma palavra de habilidade, de modo que não tem significado específico nas regras, mas destaca cards que se aprimoram caso haja dois ou mais cards de mágica instantânea ou feitiço em seu cemitério.

Você conta o número de cards de mágica instantânea e/ou feitiço em seu cemitério conforme a mágica está sendo resolvida para determinar se a habilidade de maestria em magia se aplica. Não conte a própria mágica que estiver sendo resolvida. Ela ainda está na pilha neste ponto, e não em seu cemitério.

Algumas habilidades de maestria em magia se somam ao efeito normal da mágica. Confira Adormecer.

Outras habilidades de maestria em magia substituem em todo ou em parte o efeito normal da mágica. Confira Impulso Flamejante.

Leia cada card com uma habilidade de maestria em magia com cuidado para descobrir exatamente como ele funciona.

Ameaçar

Ameaçar é uma nova palavra-chave para uma habilidade antiga. Uma criatura com ameaçar só pode ser bloqueada por duas ou mais criaturas. Pode ser que nós das antigas conheçamos isso como "efeito [autocard mvid="25676"]Tambores de Guerra dos Goblins[/autocard]".

Uma vez que uma criatura com ameaçar tenha sido boqueada de forma válida por duas ou mais criaturas, remover os bloqueadores do combate não alterará nem desfará o bloqueio. Alguns cards mais antigos com esta habilidade terão seu texto alterado para passarem a ter ameaçar.

Destreza

Você se lembra que muito tempo atrás tivemos um bloco ambientado no mundo de Tarkir? Em uma linha do tempo alternativa ele era governado por cinco clãs, cada um liderado por um temível khan. Um desses clãs, o Jeskai, tinha uma habilidade característica chamada destreza. Bem, nós gostamos tanto daquela habilidade que resolvemos não apenas trazê-la para nossa linha do tempo como fazer com que ela possa aparecer em qualquer coleção de Magic, a começar por Magic – Origens!

Destreza é uma habilidade desencadeada que dá a uma criatura +1/+1 até o final do turno toda vez que você conjura uma mágica que não seja de criatura. As mágicas de criatura não farão com que destreza seja ativada, mesmo se essas mágicas tiverem outros tipos de card, como uma mágica de criatura artefato. As mágicas instantâneas funcionam especialmente bem com destreza, pois se tornam truques de combate que melhoram suas criaturas atacantes ou bloqueadoras além do que quer que elas façam.

Quando destreza é ativada, ela vai para a pilha em cima da mágica que a fez desencadear, o que significa que ela será resolvida antes daquela mágica. Depois que destreza for desencadeada, não importa o que acontece com a mágica que não seja de criatura. Se aquela mágica for anulada, destreza ainda concederá o bônus à criatura.

Vidência

Vidência é uma ação de palavra chave que já apareceu em diversas coleções anteriores, e se torna disponível em qualquer coleção de Magic a partir de Magic – Origens. Vidência permite que você vislumbre o futuro e possa alterar seu destino.

Para usar vidência N (sendo N um número), olhe aquela quantidade de cards do topo de seu grimório. Então, coloque qualquer número delas no fundo de seu grimório em qualquer ordem e o restante no topo de seu grimório em qualquer ordem. Preste muita atenção nos cards que dizem para você usar vidência. Às vezes o card pode ter outro efeito que aconteça primeiro. Outras vezes você usará vidência primeiro. Você sempre segue as instruções de um card na ordem em que elas aparecem.

Latest Feature Articles

FEATURE

16 de Setembro de 2021

Apresentação do Pré-lançamento de Innistrad: Caçada à Meia-noite by, Gavin Verhey

Hora de voltar a um dos planos favoritos dos jogadores de Magic: Innistrad. Um plano assustador baseado no terror gótico, (cheio de Vampiros, Zumbis, Espíritos e, é claro, Humanos tent...

Learn More

FEATURE

2 de Setembro de 2021

Mecânicas de Innistrad: Caçada à Meia-noite by, Matt Tabak

Nenhum plano no Multiverso inspira tanto terror em seu povo como Innistrad. É para perder o sono? Claro que não. É só um jogo. E esse cenário é o máximo. E é para lá que voltamos em Innis...

Learn More

Artigos

Artigos

Feature Archive

Procurando mais? Explore nosso arquivo e mergulhe em milhares de artigos sobre Magic escritos pelos seus autores favoritos.

See All