Molduras, Modelos, e Mudanças nas Regras com Dominária

Posted in News on 21 de Março de 2018

By Aaron Forsythe

O Magic: The Gathering tem um grande aniversário chegando, uma mistura de bodas de prata e o retorno para casa, ao voltarmos para Dominária. Quem já passou por uma grande data dessas sabe que você quer ter a melhor aparência possível, e nós passamos pouco mais de um ano atualizando os próprios cards para prepararmos esta ocasião importante.

Houve várias mudanças grandes na aparência e na legibilidade dos cards ao longo dos anos, desde a clássica Sexta Edição e a revisão de regras em 1999 até a última atualização de molduras com o Magic 2015 (em 2014, claro). As mudanças que preparamos para Dominária são as mais recentes em nossas tentativas constantes de manter o jogo original, moderno e acessível, e apesar desta fornada não ter a mesma escala que algumas das mudanças do passado, ela melhora muito a experiência de jogo e resolve uma série de problemas que tivemos por anos.

Em um estranho equívoco de agendamento de produtos, conseguimos encaixar as mudanças no Duel Decks: Elves vs. Inventors, que sai algumas semanas antes de Dominária, então você ganha uma espiadinha nos cards daquele produto. Você devia dar uma olhada na Galeria com Imagens de Cards do Duel Decks: Elves vs. Inventors para ver as mudanças em modelos, ilustrações e regras que foram implementadas naquele produto.

Eu vou repassar tudo em três seções: atualizações cosméticas que não alteram a jogabilidade, mudanças no modelo que atualizam como ficou o palavreado de certos cards, e uma mudança de regras que tem sua importância.

Como essas mudanças não acontecerão formalmente até a atualização de regras de Dominária, você tem que esperar até lá para ver a lista completa de quais e como cards antigos serão afetados por estas mudanças, mas o Boletim de Atualizações de Dominária escrito pelo Eli Shiffrin vai cobrir estas informações em breve. (Os cards no Duel Decks estão impressos com o palavreado do Oráculo do futuro — que só será oficial após o Pré-lançamento de Dominária. Eu falei que era só uma espiadinha!)

Por agora, vamos ver o que você pode esperar pelo viés de Elfos e Inventores!

Atualizações Cosméticas

Barra de Separação

Uma das coisas prosaicas que cards de Magic têm é que o texto explicativo e o texto ilustrativo usam a mesma fonte desde a introdução do texto explicativo moderno na coleção Miragem, em 1996, até hoje. Ao mesmo tempo que não usar tratamentos ou fontes adicionais manteve cards com uma aparência leve, sempre foi difícil perceber rapidamente onde as regras acabavam e começava a história. Jogadores mais novos às vezes misturam regras e história, sem saber onde um acaba e o outro começa, e veteranos às vezes ignoram uma segunda ou terceira linha de habilidade pois está entre frases em itálico.

Isso vem nos incomodando há algum tempo, e procuramos por várias alternativas, incluindo deixar o texto ilustrativo acinzentado, usar fontes diferentes para um ou para o outro, ou até colocar uma caixa sombreada em torno de um deles para separar. Por fim, decidimos voltar para nossos velhos truques, pegando algo emprestado da coleção Portal lançada em 1997 (e não o aplicativo que será lançado em breve) — uma simples barra centralizada na caixa de texto, entre as regras e a história.

Nossa nova barra é bem mais sutil do que a de Portal, e só utilizamos uma quando um card tem os dois tipos de texto. É bastante elegante, eu diria. Confira no Escultor de Etherium:

Moldura de Cards Lendários

Conforme formos apresentando maiores detalhes e espiadinhas em Dominária, você vai ver que a coleção dá bastante foco aos muitos personagens lendários do mundo — heróis do passado e do presente — e a jogabilidade foi projetada para destacá-los de jeitos novos e legais. Ora, o slogan é “Reúna as Lendas!” Com a relevância que terão ao jogar o formato, queríamos algum indicativo visual claro para que com apenas um olhar você visse quais cards eram lendários, e quais não eram. Acabamos com um enfeite parecido com uma coroa em torno da barra de nome do card; ela se estende pela borda preta do card de um modo muito marcante. Ficamos tão felizes com ele que decidimos utilizá-lo fora da coleção em todos os cards lendários daqui em diante (fora os planeswalkers, que já têm seu visual diferente e próprio).

Veja ele aqui nessa máquina élfica, Ezuri, Líder Renegado.

Atualizações no Palavreado

“Adicionar”

Terrenos têm palavreado referente à "sua reserva de mana” desde o início do jogo, mas a reserva de mana não é uma parte enorme ao jogar (a maioria das pessoas apenas vira terrenos para pagar pelas coisas sem usar um reservatório intermediário), e o termo é frequentemente uma fonte de confusão para pessoas que estão aprendendo a jogar.

Para tiramos palavras desnecessárias dos cards, encurtamos o modelo de cards que produzem mana para "Adiciona [mana]” ao invés de "Adiciona [mana] à sua reserva de mana." Veja aqui a já simplificada versão de Recifes de Shiv.

Palavreado atual, para comparação:

T: Adicione C à sua reserva de mana.
T: Adicione U ou R à sua reserva de mana. Recifes de Shiv causa 1 ponto de dano a você.

Neutralidade de Gênero

Com o nosso desejo de sempre mantermos consistência e acurácia, o modelo de regras do Magic sempre optou pelo Manual de Estilo de Chicago para se referir ao gênero desconhecido de uma pessoa nos cards em inglês: “ele ou ela.” [N. da T.: seguindo regras gramaticais da língua portuguesa, os cards em português seguiam a concordância geral usando apenas pronomes masculinos.] Ou "dele ou dela".

Há vários motivos para não gostar desta formação frasal. Para mim, o problema é que ela leve muitas palavras, e que ninguém realmente fala desse jeito. Como a língua é viva, as regras de uso da língua foram relaxando o suficiente e agora estamos confortáveis em fazer esta mudança. [N. do T.: devido às regras gramaticais da língua portuguesa, alguns cards em português poderão manter o mesmo texto.] Viva!

O que não vale um viva é que, infelizmente, não há nenhum card em Duel Decks: Elves vs. Inventors que utilize este novo modelo. Mas, como exemplo, confira o texto atual e o texto futuro para Coagir.

Atual:

O oponente alvo revela a própria mão. Você escolhe um card que não seja um terreno nem uma criatura da mão dele. Aquele jogador descarta aquele card.

Atualização do Oráculo para Dominária:

O oponente alvo revela a própria mão. Você escolhe um card que não seja um terreno nem uma criatura da mão dele. Aquele jogador descarta aquele card.

E se esta mudança deixa o nosso texto de cards mais inclusivo para as pessoas que não se identificam com um "ele” ou um "ela", isso também é muito legal.

"Esta Mágica"

Para esclarecer que uma habilidade de um card é utilizada no momento em que você a conjura, nós estamos substituindo o nome do card por frases com “esta mágica”. Veja aqui o Batalhão de Talara:

Palavreado atual, para comparação:

Atropelar
Jogue Batalhão de Talara somente se tiver jogado outra mágica verde neste turno.

Exemplos de outros cards que terão atualizações no texto com esta mudança são Força de Vontade, Rastejador de Túmulo, e Explosão de Metralha, e esta última você verá em breve!

Mudança nas Regras

Regra de Redirecionamento de Planeswalkers

Dessa vez, só vamos fazer uma mudança nas regras, mas é uma mudança bem grande. Quem me segue no Twitter ou está jogando o Beta Fechado do Magic: The Gathering Arena já têm uma ideia de qual é a mudança — que já era necessária há muito tempo.

Estamos removendo a regra que deixa jogadores redirecionarem o dano que não seja de combate a planeswalkers oponentes. Em vez disso, estamos escrevendo nos cards (e no Oráculo para cards anteriores) que uma mágica ou habilidade pode causar dano a planeswalkers.

Sim, é uma mudança bem grande, com cerca de 700 cards estão listados para receberem erratas, e muitos outros que terão mudanças funcionais mesmo que o texto permaneça o mesmo. Mas agora o Magic vai fazer mais sentido. Na época que estávamos projetando o primeiro grupo de planeswalkers para Lorwyn, em 2007, queríamos que as regras funcionassem desse jeito: mágicas de dano deveriam poder atingir planeswalkers diretamente. Mas sem saber se o novo tipo do card continuaria, não pedimos a enorme errata na hora; em vez disso, criamos uma regra que deixasse jogadores imitarem essa funcionalidade. E enquanto "Raio no Jace” acabou virando um atalho aceitável, sempre existiam várias interações contra-intuitivas que não queríamos. Por exemplo, a Linha de Força da Santidade impossibilitava o raio no Jace, já que o Raio precisaria dar alvo no oponente com Resistência a magia e depois redirecionar o dano para o Jace. Do mesmo modo, Desviar Olhar não podia ser utilizado para anular uma mágica de dano direto que mataria um planeswalker. Um Raio Voltaico não podia dividir o dano entre um planeswalker e a pessoa que o controla. Ou uma Fogueira dos Malditos mataria todas as criaturas de alguém, mas só causaria dano a um de seus planeswalkers e assim a pessoa não tomaria o dano para si.

Estas interações eram bem confusas mesmo para jogadores de longa data, e continuaram a destacar a necessidade de casarmos a regra com a intuição da comunidade jogadora: mágicas e efeitos de dano direto devem poder escolher planeswalkers como alvo. Então vamos fazer isso acontecer.

Mas isso quer dizer que vamos escrever a palavra “planeswalker” em um monte de cards agora? Não tantos quanto você pensa. Nossa solução inteligente — tirando o chapéu para o texto inicial do Lightning Bolt de Limited Edition (Alpha) criado pelo Richard Garfield — é simplesmente escrever “qualquer alvo” nas coisas que poderão causar dano em criaturas, jogadores ou planeswalkers. Como prometido, aqui está a Explosão de Metralha como exemplo do texto:

As palavras "qualquer alvo” significam especificamente "criaturas, jogadores ou planeswalkers alvo." Então, não, você não pode dar uma Explosão de Metralha na minha Ilha. Ou no meu cemitério. Não que você fosse tentar, mas eu garanto que alguém iria perguntar.

Como nós vamos cuidar das erratas pode ser generalizado em quatro categorias:

  • Coisas que diziam “criatura ou jogador alvo” serão alteradas para “qualquer alvo.” Ex.:, Raio, Balista Ambulante, Explosão de Metralha.
  • Coisas que diziam “jogador alvo” serão alteradas para “jogador ou planeswalker alvo.” Ex:, Espículo de Lava, Amuleto Boros, Descontentes de Kessig. Entretanto, se a quantidade de dano for calculada usando informações sobre jogadores ou objetos sob seu controle, o texto não será alterado e agora poderá causar dano apenas em jogadores. Por exemplo, Impacto Súbito causa dano ao jogador igual ao número de cards em sua mão, e já que o texto não se aplica a planeswalkers (que não têm mão — de cards, no caso) o card não poderá mais escolher planeswalkers como alvo.
  • Coisas que diziam “oponente alvo” serão alteradas para “oponente ou planeswalker alvo” com a mesma exceção acima. Estas mágicas e habilidades agora poderão escolher um planeswalker alvo que você controle, o que é uma leve mudança funcional que não nos parece importar demais para explicarmos em separado. Exemplos de cards que vão mudar incluem Máquina da Destruição Ambulante (imagem abaixo), Avatar do Sol Abrasador, e o Amuleto Jeskai. Um exemplo de card que não vai mudar (e estamos cavando bastante para essa aqui) é Jovial Evil. Sim, isto é um card.

Coisas que causam dano mas não pedem um alvo não receberão errata, com a exceção de Quebrador de Frascos, o Feroz. Isso significa que cards como Terremoto, Preço do Progresso, e a habilidade ativada de Hazoret, a Fervorosa não causarão mais dano a planeswalkers.

Além disso, lançaremos erratas similares a cards com prevenção de dano, para garantir que as interações entre estes cards e planeswalkers esteja bem clara.

Algumas coisas mudam; outras parecem que mudam, mas não mudaram. Se você tiver interesse em mais detalhes, procure pelo artigo de Atualização de Regras, escrito pelo Eli Schiffrin, que chegará antes de Dominária. Ele vai repassar tudo em profundidade, e mostrar as listas de todos os cards que serão alterados.

Então, é isso aí!

Com estas novas melhorias em efeito, o Magic está pronto para os próximos 25 anos! As lendas estão com uma aparência mais legal, modelos estão mais simples, planeswalkers funcionam como sempre deveriam, e Dominária está logo ali. Que época para se jogar Magic!

E se você quer ter acesso a cards com os novos tratamentos mais cedo, compre uma cópia de Duel Decks: Elves vs. Inventors na loja da sua região!

Agradecemos ao Ethan Fleischer e ao Dave Humpherys por terem tido várias destas ideias; aos talentosos editores, designers gráficos, e ao gerente de Regras da Equipe Delta de Pesquisa & Desenvolvimento por não descansar até que tudo esteja perfeito; e aos nossos parceiros digitais no MTG Arena e no Magic Online por implementar essas melhorias em todas as plataformas que o jogo tem para oferecer.

Feliz aniversário de 25 anos!

— Aaron

@mtgaaron

Latest News Articles

NEWS

12 de Outubro de 2020

Anúncio de Cards Banidos & Restritos, segunda-feira, 12 de outubro de 2020 by, Ian Duke

Padrão: Omnath, Locus da Criação foi banido. Trevo da Sorte foi banido. Fuga para as Terras Selvagens foi banido. Histórico: Omnath, Locus da Criação foi suspenso. Teferi, Manipulad...

Learn More

NEWS

2 de Outubro de 2020

Lançamento Global de Commander Legends Adiado para 20 de Novembro de 2020 by, Wizards of the Coast

Devido a desafios de produção relacionados à continuidade da pandemia de COVID-19, nós tomamos a decisão de adiar o lançamento global de Commander Legends para 20 de novembro de 2020. Is...

Learn More

Artigos

Artigos

News Archive

Procurando mais? Explore nosso arquivo e mergulhe em milhares de artigos sobre Magic escritos pelos seus autores favoritos.

See All